História das teorias da Luz

André-Marie Ampère (1775–1836)

Fonte: Wikimedia.

Lei de Ampére

C B · d r = 4 π k m I in t


Forma diferencial. Usando o teorema de Stokes obtém-se:

× B = 4 π k m J

onde o campo vetorial J = ρ v chama-se densidade de corrente e o seu fluxo através de uma superfície é a corrente total que passa através dessa superfície:

S J · ˆ n d A = I in t