História das teorias da Luz

Albert Einstein (1879–1955)

Fonte: Wikimedia.

Recebeu o prémio Nobel pela sua explicação do efeito fotoelétrico, em 1905:

A luz é composta por partículas, chamadas fotões, cada um com energia diretamente proporcional à sua frequência:

U = h f

Para libertar eletrões numa célula fotoelétrica, é necessária uma energia mínima φ . Cada fotão com energia superior a φ pode ser absorvido, libertando um eletrão, e o excesso de energia é a carga do eletrão vezes a f.e.m. da célula:

e ε = h f φ (s e h f > φ )